10/16/11

Rendimentos de 15 políticos antes e depois de serem Governo



O jornalista António Sérgio Azenha resolver ir investigar os rendimentos de 15 políticos antes e depois de passarem pelo Governo, ou melhor, pelo desgoverno. O resultado está no livro 'Como os políticos enriquecem em Portugal', da editora Lua de Papel. O repórter não inventou números, antes baseou-se nas declarações de património e rendimentos apresentadas pelos políticos ao Tribunal Constitucional, desde 1995. Então reconstituiu o percurso de crescimento económico de 15 cavalheiros e é só ver como os rendimentos crescem assombrosamente. Jorge Coelho, Dias Loureiro e outros políticos multiplicaram os seus ordenados. Os ministros e os secretários de Estado quando chegam ao Governo ganham menos de 6.000 euros mensais. Depois de passarem por lá um tempo a desgovernar acabam por ser beneficiados dando o salto para lugares muito bem remunerados e repletos de privilégios. Esses lugares são em empresas tuteladas pelo Estado e embora legalmente não possam ser acusados de nada, nós sempre lhes podemos chamar grandes patifes. 

Na sequência da leitura do livro, Mira Amaral escreveu ao jornalista: "Ao ler o livro, até não vejo qualquer má vontade sua contra mim mas compreenderá o meu estado de espírito ao ser metido no pacote dos tipos que em Portugal beneficiaram e enriqueceram com a política, o que no meu caso é falso e perfeitamente injusto." Adianta que até perdeu dinheiro ao passar pelo Governo...!

Cliquem na Infografia do jornal Expresso e vejam esses números redondos e se quiserem  ler o livro ele está à venda na Wook, basta clicar aqui,  é só encomendar que na volta do correio já se vão poder indignar só mais um bocadinho, findo que está o Dia da Indignação e ainda mal começado o período de recessão em que Portugal está mergulhado...não só mas também graças ao desgoverno destes e outros patifes.


No comments:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...