4/29/09

O SURTO DOS INQUÉRITOS ONLINE

Não sei se por generalização das sondagens a moda é criar inquéritos um pouco por todo o lado.Desafio todos a olharem os inquéritos online que pululam por aí em páginas mais ou menos sérias com olhos bem atentos.Este estava colocado na página do Expressoemprego.pt entre assuntos como falência de 11 empresas por dia, criação de emprego por parte das autarquias,tesouros da astronomia,trabalho e saúde.Alinhar estas perguntas é trabalho de quem?Do sociólogo freelancer?Do criativo?Do copy?Do redactor de serviço?Do webdesigner?Do estafeta?Cada vez há mais inquéritos online e tenho pena de não ter vindo a colecioná-los pois a esta data já poderia fazer um estudo comparativo sobre estas autênticas pérolas humorísticas.Eu penso que eles têm a mesma função que aqueles pequenos parágrafos com factos no mínimo hilários que são colocados à margem das colunas principais nos jornais.Ora estamos horrorizados a ler sobre o assalto com arma de fogo ao banco da esquina e o novo escândalo bancário nacional ora intervalamos com uma suave nota sobre as cuecas cor de rosa que a Paris Hilton ofereceu para leilão. Descompressor,sem dúvida.

O que é facto é que as pessoas respondem mesmo a estes inquéritos.Eu penso que é algo parecido com o que sucede aos nossos transeuntes,sobretudo em Lisboa e no Porto, quando são apanhados pelos jornalistas da TV em plena Rua Augusta ou de Stª Catarina.Ao ser-lhes apontado o microfone é como se ele fosse uma arma, antes dos lábios inquiridores se abrirem já eles ouviram o "mãos ao alto"e até já levantaram os braços. Os caça-respostas-a-torto-e-a-direito disparam a pergunta,eles disparam a resposta e que ricochete aquilo às vezes faz nos nossos ouvidos. Com estes inquéritos deve passar-se o mesmo acto reflexo.Surgem na página e o clique é inevitável. Vejamos os resultados: alguma malta,pelo menos malta que circula online, e sem máscara, anda preocupada com o vírus made in Mexico, eis um bicharoco que não se deixa entorpecer pelo mescal,este é dos tesos.Se assim é talvez nem com o nosso bagaço a gente o mande para o inferno.Há por isso mesmo razões para recear um surto por cá.Além disso estão convencidos que os porcos finalmente levaram a melhor-mas era preciso aparecer uma gripe suina para tirarem essa conclusão?Não bastava o processo Casa Pia? No entanto e mesmo assim nada mete mais medo a esta malta do que a crise que,embora não sendo contagiosa, é chamada a pretexto de tudo,contagia qualquer assunto e até mesmo este inquérito. E ainda pensam que a gripe das aves foi histeria quando eu pensava que isso só acontecia nos concertos dos Tokio Hotel!!!Inquéritos online, uma nova faceta da quantificação do disparate a descobrir numa página web bem perto de si.
N.B. Até era capaz de apostar em como tentaram votar no inquérito acima!

1 comment:

Jorge Castro said...

Voto nas cuecas da Paris!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...