3/13/07

QUEM INVENTOU AS PALAVRAS CRUZADAS?


Não, eu não sou doida por palavras cruzadas, sou doida por cruzar palavras. E nem este blog é sobre palavras cruzadas. Todavia pareceu-me adequado assim nomear um blog onde se cruzaria tudo e mais alguma coisa com palavras. O que é agora relevante é o seguinte: coloquei o Adsense no blog e de repente apareceram ali no topo imensos anúncios relacionados com palavras cruzadas. Então fiz uma pequena busca no nosso amigo Google e descobri coisas curiosas. A Internet recolocou na moda as palavras cruzadas. São inúmeros os sites com palavras cruzadas para resolver online, como este, aqui. Bem vistas as coisas, elas nunca saíram de moda, nem mesmo com a invasão do Sudoku, porque são uma moda recente e talvez o passatempo mais conhecido no Mundo inteiro. As primeiras apareceram na Inglaterra no séc. XIX, impressas em livros de passatempos infantis e alguns jornais. Já nos Estados Unidos o passatempo era levado mais a sério, uma coisa para adultos. Arthur Wynne, um jornalista de Liverpool, é habitualmente conhecido como o inventor das palavras aos quadradinhos que apareceram no jornal New York World em 1913, num esquema em forma de cruz, ora vejam, aqui. No espaço de uma década o passatempo espalhou-se pelos principais jornais norte-americanos. Uma curiosidade que atesta a sua popularidade nos Estados Unidos: a Pennsylvania Railroad, empresa de transportes ferroviários, imprimiu problemas de palavras cruzadas no verso dos cardápios dos vagões-restaurante. De imediato foi imitada pela sua concorrente, a B&O Railroad, que chegou a colocar dicionários nos seus comboios para ajudar os passageiros a resolver os passatempos, uma ideia que poderia ser ainda hoje muito interessante, embora suspeite que os dicionários desapareceriam num ápice! Na Inglaterra a Person’s Magazine, nos anos 20, foi a primeira a dar-lhes página, e depois o Times. A.F. Ritchie e D.S.Macnutt ficaram conhecidos como mestres na arte de construir puzzles (cruciverbalismo) de palavras à mão e estabeleceram parâmetros de qualidade para o passatempo. Em Portugal é raro o quiosque ou papelaria que não venda revistas de problemas de palavras cruzadas e elas estão presentes em muitos jornais. Mas o entusiasmo pela sua resolução não se compara, parece-me, ao existente nos Estados Unidos, onde até se realiza um torneio nacional,- American Crossword Puzzle Tournament - cuja 30ª edição terá lugar entre 23 e 25 de Março. Descobri também um "big problemo" de palavras cruzadas indicado para viciados com muito tempo livre: o Maior Problema de Palavras Cruzadas do Mundo, nada mais nada menos do que um quadradão de 2,10x2,10 metros, com 91.000 quadraditos, à venda online, aqui. Alguém interessado? Podem afixá-lo na parede do WC e ir resolvendo durante o ano inteiro, sem stress. Ou no quarto para quando tiverem insónia.E aqui um problema indicado para TV e Movie Lovers, que eu vou tentar resolver depois de terminar este post!

4 comments:

O Pirata said...

Para onde você vai embora?

Capitão-Mor said...

Olha, aqui está uma coisa para a qual nunca tive paciência!
Não te esqueças que amanhã é dia de blogsérie. Sugiram duas réplicas femininas muito engraçadas...

O Pirata said...

É verdade!
Mas eu estou mandando embora os calhordas, e não todo o pessoal!

Volte!

=D

O Pirata said...

E a propósito: Muito fixe o seu blog! opá!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...