6/8/14

Bill Maher, os americanos e o porte de arma



And you know, that's the thing about gun culture. There's not a lot of culture. It's mostly about the guns. And the problem isn't just that they're so legal in America. It's that they're so beloved. Guns aren't just a tool of last resort. They're awesome. “ 

Bill Maher é um comediante norte-americano e apresentador de TV. Desta vez é rir a bom rir com os seus comentários incisivos e igualmente divertidos sobre o “open carry”, abreviatura para “openly carrying a firearm in public”, por oposição a “concealed carry” que significa que as armas que a pessoa transporta consigo não devem ser visíveis a terceiros. Em virtude de ter muitos contactos norte-americanos no meu Facebook, de há umas semanas a esta parte comecei a ver estas estranhas fotografias de indivíduos que andam a passear as suas armas automáticas em público como se de um cão se tratasse, aliás, eles têm licença para entrar em estabelecimentos - lojas, restaurantes - que decerto até estarão vedados aos animais de estimação. Lembrei-me logo do irmão do Lester, na série Fargo, um tipo aparentemente normal mas que na cave guarda um arsenal de armas, e uma que lhe é especialmente querida, não vos sei dizer do que se trata exactamente, mas é quase certo que a polícia da minha área de residência não terá uma daquelas armas nem lá perto! Nos últimos anos esta tendência de retorno ao velhinho old wild west que nós, europeus, só conhecemos dos filmes, tem aumentado. Carregar o último modelo do iphone é insignificante, é por demais banal, um mero sinal exterior de riqueza, o que é isso comparado com estes sinais exteriores de tolice?!! Eu passo o tempo a defender os americanos contra todos os que os etiquetam automaticamente como burros. A burrice não é de raça, eu quero acreditar nisso. Mas este punhado de gente, homens feitos, às compras carregando a sua arma predilecta ao ombro ou a tiracolo, está a fazer muito pouco pela boa imagem da população americana, há que dizê-lo. E então vem o Bill Maher e é só rir. Porque é que esta gente é tão ridícula? Ele chama-lhes ammosexuals!! Não é caso para menos, estes homens de pelo na venta, dão nomes às suas armas, tiram fotografias com elas, não há como negar o affair romântico entre os dois uma vez que eles até as levam para jantar fora, são o par perfeito, diz Bill! Hilário! Vejam o video, vale a pena.

No comments:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...