8/16/12

Azeitonas à grega!


Hoje é só um par de linhas para vos dar conhecimento da minha descoberta. Azeitonas à grega! A primeira vez que comi destas azeitonas foi em Paris. Eram maiores, mais carnudas e tinham muito mais gordura do que estas. Eu tive de as colocar em água para elas perderem um pouco da sua intensidade antes de as conseguir comer!! Mas estas azeitonas à grega da marca Rustica assemelham-se bastante. Nessa casa à boca da rua, em Paris, uma pequena loja com formato de garagem, nada mais se vendia do que azeitonas de todas as qualidades. Havia um cheiro a azeitona e salmoura no ar, recipientes repletos de azeitonas eram do chão ao tecto. As pessoas entravam e a saíam constantemente, de saquinhos de plástico na mão! Eu gostei tanto destas azeitonas à grega que anos passados uma amiga trouxe-me um saquinho delas. Depois disso nunca mais as voltei a comer. Tenho um amigo grego em Atenas, conhecido na internet, e um dia perguntei-lhe pelas azeitonas à grega!! Ele não conhecia o que eu lhe descrevi o que me deixou muito intrigada!! Nos nossos hipermercados nunca as vi à venda, ou então andava distraída, o que também é possível! Por mero acaso vi estas Olives Noires à la Greque no E.Leclerc.  há cerca de três semanas. Não são substituto das nossas boas azeitonas, são diferentes. Estas azeitonas são muito saturadas, salgadas, o gosto é muito intenso. São moles e o caroço separa-se da polpa muito facilmente. A vantagem é que como muito poucas de cada vez, o frasquinho dura que dura ao contrário do que sucede com as azeitonas portuguesas que marcham que nem cerejas! O mais intrigante foi quando, ao procurar no rótulo a proveniência, encontrei Marrocos e não Grécia! O que me parece é que o "à grega" refere-se ao tratamento que lhe dão, e não propriamente a uma forma peculiar dos gregos tratarem as azeitonas. Para mim,"À grega", costuma significar, na cozinha, qualquer coisa servida em um molho feito de azeite, suco de limão e temperos diversos (como erva-doce, coentros, sálvia e tomilho)!! Talvez este tipo de produto seja mais típico de Marrocos do que da Grécia. Isto sou eu a pensar alto! A solução passa por perguntar a um marroquino e não a um grego, o meu amigo Dodos não me pode ajudar a decifrar este mistério! Mas uma busca breve no Google mostrou-me muitos resultados como este - eis uma unidade de produção de vários tipos de azeitona, em Marrocos, e lá estão elas, as azeitonas à grega, dizem eles, que estas azeitonas são secas como uma passa. Azeitonas colhidas ainda verdes são colocados em camadas, com camadas de sal, para a fermentação. O resultado consiste em azeitonas fortemente salgadas, com um aroma muito intenso. Não é um sabor para todos e a mim surpreende-me ter gostado delas pois habitualmente fujo de tudo quanto é salgado.Se souberem algo sobre estas azeitonas, partilhem!




No comments:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...