4/1/12

A Sagres chegou à Figueira e não é mentira

Hoje é dia 1 de Abril mas está notícia é, toda ela, verdade! A meio da nebulosa manhã, o navio escola Sagres entrou na barra e subiu o tranquilo rio Mondego acompanhado por remadores entusiasmados e pequenas outras embarcações de velas. Dos molhes muitas pessoas acenavam aos seus ocupantes, tripulação e alunos das escolas, e fotografavam a chegada desta bela embarcação que visita o porto da Figueira da Foz pela segunda vez. A primeira foi em 2005 por ocasião das comemorações do Dia da Marinha. Atracado no Porto Comercial, bem próximo do Relógio de Sol, o navio pode ser visitado entre hoje e terça-feira de manhã, após o que partirá de regresso à base naval do Alfeite. Na viagem de Lisboa para a Figueira da Foz, e regresso, seguem a bordo da Sagres, 100 jovens figueirenses, uma oportunidade privilegiada para se iniciarem nos assuntos da marinha em ambiente prático.
O belo navio comemora 50 anos de serviço à Marinha Portuguesa e 75 anos de vida. Foi construído nos estaleiros de Blohm e Voss, em Hamburgo em 1937, e batizado Albert Leo Schlageter. Em 1948 entrou ao serviço da Marinha do Brasil e então recebeu o nome Guanabara. Anos mais tarde, em 1961, foi adquirido por Portugal para substituir um velho navio chamado Sagres. Seu nome vem do Cabo de Sagres, o local onde foi criada a primeira escola náutica do mundo  pelo Infante D. Henrique no século XV - que muitos dizem ser apenas um mito. As velas apresentam a Cruz de Malta, símbolo usado nas velas de embarcações portuguesas durante a época dos Descobrimentos. Curiosamente o navio ostenta as divisas das Marinhas a que pertenceu inscritas nos aros das rodas do leme: Gott mit uns - Deus está connosco -, ostentada pela Marinha Alemã;  Tudo pela Pátria, divisa da Marinha Brasileira e a divisa da Marinha Portuguesa - A pátria honrae que a pátria vos contempla.  Isso eu só irei ver amanhã ou depois, quando o for visitar. Desde 8 de Fevereiro de 1962 que a Sagres assegura a formação de oficiais na Academia Naval que assim complementam o seu conhecimento técnico e académico. Já embarcaram mais de 4000 cadetes! O navio escola Sagres realizou já mais de 150 viagens navegando pelo Atlântico, Pacífico e Índico, Mar do Norte, Caribe, Japão, China, Mediterrâneo, etc. Durante os últimos 50 anos ao serviço de Portugal realizou três viagens ao redor do mundo e visitou 385 portos, tendo navegado cerca de 600 mil quilómetros.

Aproveite para ler tudo sobre o navio escola Sagres visitando o site da Marinha Portuguesa! Ou leia uma entrevista ao Comandante Sardinha Monteiro no jornal o Figueirense realizada a propósito desta visita. Se vive na Figueira da Foz, não perca a oportunidade para observar de perto esta escola e fantástico embaixador de Portugal no mundo que é o Navio Escola Sagres. 

Horário das visitas
01ABR (Domingo): 15:00-19:00; 20:00 – 23:00;
02ABR (2ª Feira): 10:00 – 12:00; 14:00 – 19:00; 20:00 – 23:00;
03ABR (3ª Feira): 10:00-12:00.

Ao longe, à espera.
Na companhia dos reboques.
A subir o rio.
A alguns metros do molhe.
A afastar-se em direção ao porto.
Bem acompanhado!
Foi lindo!
Depois de ter dado meia-volta.
Muita gente concentrada no porto.

Boas vindas com música pela Fanfarra dos Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz

...e Banda Filarmónica do Paião
A Sagres junto ao Relógio de Sol

No comments:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...