3/21/07

MACACOS DE IMITAÇÃO!

Em 2003 o projecto Poems on the Metro- Poemas no Metro começou a rolar sobre carris. A iniciativa vingou e mais uma vez comemora a poesia a partir de hoje, Dia Internacional da Poesia, no interior das carruagens do Metro da cidade do Porto, através da exposição de cartazes com poemas. 

Além desta poesia para ver, durante a tarde também houve poesia para ouvir já que leitores membros do Sindicato da Poesia declamaram poemas nas carruagens. Esta é uma poética ideia importada das terras de sua majestade onde surgiu em 1986 pela vontade de Judith Chernaik que lhe chamou Poems on the Underground. De então para cá os espaços publicitários no interior das carruagens britânicas converteram-se em nichos de fruição literária para todos quantos utilizam a vasta rede do metro londrino. Eis um caso em que ser macaco de imitação só pode ser considerado uma coisa bonita.


No comments:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...