12/27/06

FRUIT CAKE DA LORI



Depois de 12 dias de viagem o bolo de frutas que a Lori (EUA) fez foi-me hoje entregue pelo meu carteiro. Metade dele já desapareceu, como se pode comprovar pela prova anexa e não é preciso nenhuma equipa do CSI para descobrir onde é que ele foi parar. Exacto! Directo ao meu estômago. Ainda estou viva e nem sequer tive indisposições gástricas. Não gosto de cozinhar e talvez por isso sempre tenha apreciado quem quer que cozinhe o que quer que seja para mim. Daí que quando a Lori me disse que me ia enviar um fruit cake eu não me fiz rogada. Quem espera desespera e eu pensava que o carteiro já lhe tinha deitado o dente. Mas não. 12 dias depois da expedição, chegou. E veio de avião. Se tivesse vindo a nado… A Lori aconselhou-me a não comer e conduzir pois parece que as frutas ficam mergulhadas em vinho durante uns tempos largos antes de se juntarem à massa! Ora estão podres de bêbedas. De facto o aroma alcoólico do bolo é notório: será que ultrapassaria a taxa legal se o comesse de uma vez só e soprasse no balão?! A Lisa aconselhou-me a dar uma fatia a um rafeiro e esperar 12 horas antes de provar: - Ó Isabel, há malucos em toda a parte mas nos EUA há mais ainda! – dizia-me ela. Mas eu estava decidida a não desperdiçar fruit cake com nenhum cão. Aliás, mais perigoso do que comer bolo que vem da América é atravessar passadeiras na Figueira da Foz. Uma senhora paraplégica que vive próximo de mim e que se desloca numa cadeira de rodas motorizada sempre acompanhada por um pequeno cão de pelo claro, que ora corre atrás dela, ora lhe salta para o cesto, foi ontem atropelada numa das passadeiras de peões da avenida marginal. Do que me recordo do Código da Estrada aqueles veículos são equiparados a peões pelo que ela tinha todo o direito de pisar a zebra e de passar primeiro que o automóvel azul que lhe deu uma pantufada. Não sei se a condutora do popó também tinha recebido e abocanhado de uma vez só um fruit cake da América completamente podre de bêbado mas só podia estar com os copos. Oxalá a senhora se safe.

1 comment:

Lori Witzel said...

Hey Belinha! So glad you didn't waste any of that fruitcake on a dog, but I can understand why one would be wary of taking a fruitcake from a stranger. (I guess I'm a stranger -- or at least a bit strange for offering home-made cake to blog-friends!)

Don't eat and drive!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...